• Adriana Valadares

Cemig pede suspensão de reajuste das contas de luz

A Cemig enviou à Agência Nacional de Energia Elétrica um pedido para que não se tenha reajuste médio de 4,27% na conta de energia dos mineiros deste ano. Aprovado em junho pelo órgão federal, o aumento na tarifa entrou em vigor em 1º de julho. A decisão agora de não elevar esses índices está novamente nas mãos da diretoria da Aneel, em reunião marcada para próxima terça-feira (11). O comunicado foi feito pelo governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo). Segundo ele, a expectativa é que a medida seja aprovada pela agência nos próximos dias. A alíquota média de 4,27% é referente ao comércio, indústria e cliente rural. Já para os consumidores residenciais, o reajuste previsto era 2,54%.



0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!