• Adriana Valadares

Com volta às aulas, PBH inclui professores na imunização contra a gripe

Com a retomada das aulas presenciais da educação infantil em Belo Horizonte, a prefeitura decidiu antecipar a vacinação contra a gripe para professores a partir desta quarta-feira (5).

A imunização dos docentes será realizada nos centros de saúde da capital. Os endereços e horários de aplicação das doses estão disponíveis no site da prefeitura. Para se vacinar, é necessário apresentar um comprovante, como contracheque ou declaração. A expectativa do município é de que cerca de 34 mil professores, das redes pública e particular, sejam imunizados. Os educadores já estavam incluídos na campanha de vacinação contra a influenza, mas na segunda etapa, prevista pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) para começar no dia 11 de maio. Também estão sendo vacinados contra a gripe crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde que atuam em hospitais, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), centros de saúde e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), desde o início da campanha, em 12 de abril, cerca de 24 mil pessoas foram imunizadas. O número de doses aplicadas corresponde a apenas 11% do total recebido pela capital mineira. Segundo estimativa da pasta, Belo Horizonte tem cerca de 151 mil crianças de 6 meses a 5 anos, 3 mil puérperas e em torno de 105 mil trabalhadores da saúde. A meta é vacinar 90% do público. Por questões de segurança, pessoas que receberam a vacina contra Covid-19 precisam respeitar um intervalo mínimo de 14 dias para se imunizar contra a gripe.


0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!