• jornalismo42

Documento de licenciamento de 2021 começa a ser cobrado em Minas Gerais

O Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) de 2021 começou a ser exigido em Minas Gerais.

Por causa da pandemia, o governo do estado tinha ampliado a validade do CRLV de 2019 até 31 de dezembro do ano passado e suspendido a obrigatoriedade do documento dos anos seguintes. No entanto, com o fim do período de vigência do estado de calamidade pública, no último dia de 2021, o licenciamento anual volta a ser cobrado.

Segundo o Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG), a partir de agora, o CRLV referente ao ano de 2021, no formato digital ou impresso, será considerado o documento válido para comprovar a regularidade do veículo em circulação.

"Durante as abordagens ao condutor, a fiscalização de trânsito observa os documentos de porte obrigatório, que são o CRLV e a habilitação, sendo desnecessário apresentar comprovantes de pagamento das taxas e tributos", explicou o diretor do Detran-MG, delegado Eurico da Cunha Neto, em nota. Os proprietários de veículos que ainda não possuem o CRLV de 2021 devem acessar o site do Detran para verificar se há débitos de IPVA, seguro obrigatório, taxa de renovação do licenciamento anual do veículo e eventuais multas.

Desde agosto do ano passado, o documento não é mais emitido em papel moeda e enviado aos endereços dos proprietários. Agora, o CRLV é disponibilizado na versão digital, no site do Detran, para impressão em papel comum, ou por meio do aplicativo CDT(Carteira Digital de Trânsito).

A não regularização do licenciamento do veículo é infração gravíssima, que resulta em multa no valor de R$ 293,47, sete pontos na habilitação e remoção do veículo para um pátio credenciado.




0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!