• jornalismo42

Foi inaugurado o Circuito Luzes da Liberdade que pode ser visto até 6 de janeiro

A fachada do Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, se tornou uma grande tela onde foram projetadas diversas imagens de Minas Gerais. A ação fez parte da inauguração do Circuito Luzes da Liberdade e das comemorações aos 300 anos da criação da Capitania de Minas Gerais.

A noite ainda contou com um evento oficial, do qual participaram o governador Romeu Zema (Novo) e o secretário de Estado de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira. A solenidade foi fechada para convidados, mas foi transmitida pela internet para que as pessoas também pudessem acompanhar de casa os shows de Marcus Vianna, Maurício Tizumba e a apresentação do quarteto de cordas da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais.

Também foram acesas as luzes cênicas da Biblioteca Pública, do Museu Mineiro e Arquivo Público, da UEMG, da Funarte, da sede do CDL-BH e do Palácio das Artes. Elas poderão ser vistas durante toda a noite. Já a projeção na fachada do Palácio da Liberdade, e também uma projeção natalina que será feita no Iepha, acontecem entre 19h e 23h, até o dia 06 de janeiro de 2021.

“A proposta é que as pessoas passem de carro, apreciem a projeção, as luzes cênicas nas fachadas dos prédios e sigam para os outros pontos de luz na cidade, como a Praça da Estação e a rua da Bahia, sem aglomerações e com responsabilidade”, pede a produtora cultural Danusa Carvalho, idealizadora do projeto.

A partir desta quinta (3) a população vai poder acompanhar shows de forma presencial na Funarte e no Minas Tênis Clube, segundo a assessoria do evento, obedecendo a todas as regras de segurança e distanciamento social. Todas as apresentações serão transmitidas online nas redes sociais do Projeto Luzes da Liberdade. Veja a programação completa aqui.



0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!