• Adriana Valadares

Polícia Militar orienta consumidores em relação à segurança nas compras de Natal

O maior movimento no comércio em Belo Horizonte e a autorização para funcionamento aos domingos, que antecedem o natal, acendem o alerta para o comportamento dos consumidores. Não só para evitar aglomerações durante a pandemia, mas para garantir a segurança na hora de ir às compras.

A Polícia Militar informou que vai continuar fazendo operações de combate à criminalidade nos principais pontos de comércio da capital. Mas divulgou medidas de autoproteção que podem ajudar a se prevenir de ações criminosas.

Evitar a aglomeração já é uma regra clara para evitar a Covid-19. Para as compras nesse período do ano, a orientação se mantém. O motivo vai além da pandemia, mas para garantir a segurança de bens materiais. Segundo a PM, é preciso estar atento às ações em volta e fazer apenas as compras realmente necessárias. Levar crianças pode direcionar a atenção de um adulto para outras situações que poderiam ser evitadas.

Os cuidados devem começar antes de chegar aos centros comerciais. Segundo a PM, é preciso ter precaução com o local onde o veículo será estacionado. Ao usar o transporte coletivo, ter a percepção se alguém está monitorando as ações de outras pessoas, as observações mais contínuas. Em caso de suspeita, acione a Polícia Militar.

De acordo com a corporação, os aparelhos celulares são os mais visados pelos criminosos. O descuido dos usuários ao manipular o celular deixa os crimes de furto e roubo mais práticos para as pessoas mal-intencionadas. Além disso, segundo a PM, os celulares são comumente utilizados como moeda de troca por entorpecentes. Caso se torne uma vítima, o primeiro passo é usar o sistema de bloqueio do aparelho, para que ele facilmente perca valor de mercado.




0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!