• Adriana Valadares

Preço do gás de cozinha varia mais de 50% na Grande BH e abastecimento com etanol não é vantajoso


Um levantamento realizado pelo site de Pesquisa Mercado Mineiro revelou que o preço do gás de cozinha na região metropolitana de Belo Horizonte pode variar até 57%. Por isso, a recomendação é sempre pesquisar antes de realizar a compra.

Conforme o estudo, o cilindro de 45 kg pode custar entre R$ 280 e R$ 440, quando buscado no estabelecimento, ou R$ 320 a R$ 440 para entrega. Já o botijão de 13 kg, o mais usado nas cozinhas brasileiras, registrou uma variação de 22,6%. Atualmente, o produto pode ser encontrado com valores entre R$ 84 e R$ 103.

Desde o início do ano, o gás de cozinha registrou um aumento acima da inflação registrada no período. Em janeiro, o botijão de 13 kg custava em média R$ 84,81, valor que passou para R$ 92,38 neste mês, o que corresponde a uma alta de 9%. Já o cilindro de 45 kg passou de R$ 342,73 para R$ 365,08 no período, uma alta de 6,52%.

Ao todo, foram analisados os preços de 105 estabelecimentos da Grande BH entre os dias 5 e 10 de junho.


Combustíveis

O levantamento do Mercado Mineiro também foi realizado com os combustíveis. No caso da gasolina, o litro pode ser encontrado na região com valores entre R$ 5,672 e R$ 6,299, uma variação de 11%. Há 15 dias, o preço médio estava em R$ 5,78, índice que passou para R$ 5,813 – aumento de 0,57% no período.

Já o etanol registrou uma queda no preço médio. Em 20 de maio, o produto custava R$ 4,471, valor que caiu para R$ 4,387, o que corresponde a uma redução de 1,88%. A variação entre os postos de combustíveis na Grande BH para o etanol é de 22,6%, sendo encontrado com preços entre R$ 3,996 e R$ 4,899.

Mesmo com a queda, ainda não é mais vantajoso para o consumidor abastecer com o etanol, já que o preço do litro é maior que 75% do valor da gasolina.



0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!