• Adriana Valadares

UPAs de Belo Horizonte vão atender casos de Covid de forma prioritária

Todas as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) em Belo Horizonte terão atendimento prioritário para Covid-19.

A mudança foi anunciada pela Secretaria Municipal de Saúde após reunião com o Conselho Municipal de Saúde. De acordo com a secretaria de Saúde, cada uma das nove regionais de Belo Horizonte terá uma unidade de saúde de apoio à UPA, para atendimento a casos que não são Covid. “Este centro de saúde ficaria encarregado de atender às doenças não Covid, que porventura aparecerem numa UPA. Isso e para desafogar as UPAs e permitir que a população seja atendida da melhor maneira possível”, disse o secretário Municipal de Saúde Jackson Machado. Essas unidades não-Covid vão funcionar 24h por dia na sede de centros de saúde e atender casos de baixa e média complexidade não respiratórios. A expectativa é que elas fiquem prontas até o final da semana. As UPAs permanecem com casos respiratórios, pediatria e trauma.

A diretora de Assistência à Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte, Renata Mascarenhas, disse que as unidades estão com grande demanda de atendimento a pacientes com Covid-19. Segundo ela, se um cidadão quebrar o braço, por exemplo, deve procurar os centros de saúde para desafogar o atendimento nas UPAs. "Nós estamos vivenciando um momento de alta demanda de pacientes com Covid, e as UPAs estão focadas nesses pacientes de alta e média complexidade". De acordo com Renata, os pacientes serão estabilizados e depois transferidos para hospitais.


Ampliação do atendimento

Diante do aumento da demanda, a Prefeitura de Belo Horizonte anunciou também a abertura do Cecovid-19 Norte, em funcionamento desde o último sábado (20) na UPA Norte. O centro funciona todos os dias, 24 horas por dia, com oito leitos de observação, uma unidade de decisão clínica e 10 leitos de emergência. O município também adquiriu 42 mil testes rápidos de antígeno para agilizar o diagnóstico da Covid-19 e a admissão dos pacientes que estão nas UPAs aguardando vaga hospitalar. A prefeitura ampliou também a oferta de teleconsultas para pacientes com suspeita da doença. Serão 400 vagas diárias a partir desta terça-feira (23). O agendamento pode ser feito por meio do site do Executivo ou do PBH APP.




0 comentário
radio_bar2.png

Ouça ao vivo!